Concertos do Nordeste 2014 chega a Nova Olinda, no Cariri

Depois de dois dias de programação intensa em Fortaleza, Juazeiro do Norte (Ceará), e Cajazeiras (Paraíba), o projeto “Concertos do Nordeste 2014” se prepara para mais dois dias de atividades na cidade de Nova Olinda, na Região Metropolitana do Cariri, com agenda nos dias 24 e 25 (quarta e quinta) no Teatro Violeta Arraes, da Fundação Casa Grande. Na programação, oficinas, apresentações de grupos de tradição popular e concertos de música erudita. Nos dias 26 e 27 será a vez de Sousa, na Paraíba, encerrando a segunda edição do projeto.

OFICINAS

Duas oficinas serão realizadas em Nova Olinda. Na quarta-feira, dia 24, das 14h às 16h, o cearense Samuel Furtado, conduz a oficina “Vivência Musical com Rabeca”. O músico fundou em 2012 o grupo Rabecacello, onde exerce as atividades de compositor, diretor e instrumentista. Na quinta-feira, 25, também às 14h, a oficina é de “Técnica de Ensaio para Grupo”, ministrada pelo violinista cearense Gustavo Lima, spalla da Orquestra Sinfônica da UECE e integrante da Siara Quarteto.

APRESENTAÇÕES

Rabecacello faz performance musical inspirada nos mestres rabequeiros e sanfoneiros do Brasil.

Rabecacello faz performance musical inspirada nos mestres rabequeiros e sanfoneiros do Brasil

Dentro da programação artística, dois grupos de música erudita se apresentam em Nova Olinda. Na quarta-feira sobe ao palco o Rabecacello, de Itapipoca, que busca explorar novas possibilidades sonoras desse curioso encontro entre o violoncelo e a Rabeca. Intercalando musicas autorais e populares, o grupo apresenta uma performance musical inspirada nos mestres rabequeiros e sanfoneiros do Brasil. O grupo foi criado a partir de pesquisas e vivências do casal Samuel Furtado (rabeca) e Tamily Braga (violoncelo) com participação dos músicos Watson Nascimento (rabeca/violino), Viana Junior (percussão) e Ângelo Márcio (percussão e efeitos eletrônicos).

A Camerata Contemporânea divulga a música instrumental de concerto, barroca e contemporânea

A Camerata Contemporânea divulga a música instrumental de concerto, barroca e contemporânea

 

Na quinta-feira é a vez da Camerata Contemporânea, criada em 2013 em Fortaleza. O grupo explora um repertório que vai do erudito ao popular, tocando do jazz ao tango. A Camerata já fez concertos em Fortaleza e participou de vários festivais. É formada por Luis Gustavo Lima e André Albiergio (1° Violinos), Diego Cavalcante e Higor Monteiro (2° Violinos), Rélmerson Lima e Jeovane Barreto (Violas), Rondinelly Bezzerra (Cello) e Guaberty Castro (Contrabaixo).

 

Na categoria tradição popular o projeto apresenta dois grupos de destaque regional: Chico Paes de Assaré e Reisado de Caretas do Potengi, ambos do Ceará.

Chico Paes, um dos maiores tesouros da sanfona de oito baixos na região Nordeste

Chico Paes aprendeu a tocar sozinho, escondido do pai também sanfoneiro

O sanfoneiro octogenário Chico Paes, um dos maiores tesouros da sanfona de oito baixos na região Nordeste, é o regente do grupo que já percorreu diversas localidades no Cariri e nos Inhamuns, varando noites e animando festas ao som de sua música.

Por volta da década de 1930, já se manifestavam brincantes do Reisado de Caretas de Potengi

Por volta da década de 1930, já se manifestavam brincantes do Reisado de Caretas de Potengi

O Reisado de Caretas de Pontengi reúne figuras míticas como o Velho Bacurau, a Velha Quitéra, os Caretas, o Boi, a Burrinha, o Urubu (ou Urubaco), o Jegue, o Carneiro, o Cavalo e a Ema. Os figurinos tornam-se um atrativo à parte com peças rústicas utilizadas para espantar o “mau”, segundo os brincantes. As apresentações contam com um repertório que resgata canções do folclore nordestino.

O PROJETO

O “Concertos do Nordeste 2014” teve início no dia 19 em Fortaleza e Juazeiro do Norte e até o dia 27 terá levado a públicos de cinco cidades do Ceará e da Paraíba um panorama diverso da música erudita produzida no Nordeste. Participam desta edição 16 grupos de música erudita de 6 estados da Região e 9 grupos de tradição popular do Ceará e da Paraíba.

Com toda a programação gratuita, o projeto é apresentado pelo Centro Cultural Banco do Nordeste e tem como realizadores a Associação dos Produtores de Cultura do Ceará – ProDisc e a Casa Fora do Eixo Nordeste. O projeto promove um encontro da música erudita e o cancioneiro tradicional, proporcionando um rico intercâmbio sonoro por cidades do Ceará e da Paraíba.

Veja a programação completa, aqui.

Com informações da Dégagé

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s